4.3.12

O Bolo da Wilma

Este era o bolo que a minha mãe mais vezes fazia, simples de fazer e pouco calórico. O segredo está nos citrinos que se utilizam, já o fiz muitas vezes com tangerinas de supermercado e não é a  mesma coisa. Tem de ser feito com tângeras/tangerinas daquelas que se encontram nas árvores dos nossos campos (as que no seu interior possuem muitas sementes ), talvez as encontrem nos mercados tradicionais da vossa cidade. Experimentem caso gostem de bolos pouco doces e com uma cobertura ligeiramente ácida.

Ingredientes:
250 gr de açúcar (eu coloco 225 gr)
4 ovos grandes (caso contrário acrescente mais um)
125 gr de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento em pó royal
raspa de 2 Tângeras/tangerinas grandes
cerca de 150 ml de sumo de tângera/tangerina
sal qb

Bata as gemas com o açúcar até esta mistura ficar esbranquiçada e dobrar de volume. Acrescente a raspa e o sumo dos citrinos. Volte a bater com a batedeira (esta mistura irá ficar um pouco líquida). Acrescente a farinha e o fermento, misture bem com a batedeira até a massa fazer bolhas.
Bata as claras em castelo com uma pitada de sal. Envolva as claras no preparado anterior com muito cuidado com a ajuda de uma colher de pau. Leve ao forno (160º C) numa forma untada com margarina e polvilhada com farinha. Deixe cozer cerca de 20 a 30 minutos. Retire do forno mal o palito saia limpo, não deixe cozer muito para não ficar seco.

Cobertura:
cerca de 400 ml de sumo de tângera/tangerina
125 gr de açúcar
1 a 2 colheres de farinha maizena

Leve o sumo ao lume com o açúcar. Entretanto dilua a maizena num pouco desse sumo (ainda frio) e misture ao resto do sumo que se encontra ao lume. Vá mexendo sempre até o sumo ferver e engrossar. Desligue e cubra o bolo (já frio) com esta cobertura ainda quente.

Sem comentários: